28 de novembro de 2013

Baiano de Santo Amaro criou uma das mais bela música de Natal


O menino pobre do interior da Bahia, Santo Amaro, que não chegou a conhecer os pais e cujo Natal era referência de exclusão e tristeza por não ganhar os presentes do Papai Noel, escreveu seguramente a mais bela música de “boas festas” do Brasil, a única que se iguala em popularidade às versões das músicas europeias e americanas de época, o jingle Bell e Merry Christmas, dentre outras, para citar as de maior recall.

Quando Assis Valente escreveu os versos que hoje empolgam crianças e adultos, e são a expressaõ máxima do politicamente correto, era o ano de 1932.


O músico, ilustrador e protético, então um compositor emergente, procurava um espaço nas rádios do Rio de Janeiro, onde residia, para divulgar o seu trabalho.


Seu nome começava a chamar a atenção de alguns de seus futuros intérpretes: Carmem Miranda e Dorival Caymmi que aparecem com ele na foto acima, a direita, mas também Moreira da Silva e Carlos Galhardo, dentre outros.

Os versos da música de Assis Valente que denominou de “Boas Festas” contam a história de um menino triste que aguarda pela visita que nunca chega do Papai Noel: “Eu pensei que todo mundo/Fosse filho de Papai Noel/E assim felicidade/Eu pensei que fosse/Uma brincadeira de papel/Já faz tempo que eu pedi/Mas meu Papai Noel não vêm/Com certeza já morreu/Ou, então felicidade/É brinquedo que não tem”.

Em 1935, o compositor lançava outra música natalina que também faz sucesso hoje, “Recadinho de Papai Noel”. Desta vez é o menino já adulto que implora pela atenção do bom velhinho: “Papai Noel se quiser/Vai me fazer um favor/Eu quero a lua para mim/Para mim e meu amor/Aquela lua de mel/E, noite nupcial/Para ver se ainda sou feliz/Na noite de Natal.

Papai Noel não atendeu o baiano triste que amargurado e infeliz e sufocado pelas dívidas atirou-se um dia do Alto do Corcovado, salvo milagrosamente por um galho de árvore. E anos depois, ainda atormentando, nos deixava para sempre após ingerir formicida com guaraná num banco de praia.

No seu bilhete de despedida uma lacônica frase expressava a sua angustia:”vou parar de escrever pois estou chorando de saudades de todos e de tudo”.

Materia original jacuipe noticias

6 comentários:

  1. Não podia ser diferente, Santo Amaro como sempre um celeiro de grandes artistas.Essa historia completa não é novidade para me, m professor já havia me contado essa linda historia

    ResponderExcluir
  2. Esta cidade, celeiro de grandes artistas, seu povo precisa URGENTEMENTE, de ações concretas, com muito mas divulgação em relação as biografias de teus filhos ilustres, muito mas homenagens as personalidades marcantes, das tuas Histórias marcadas com muitas lutas, das origens da tua Cultura Folclóricas, frear mas as reproduções por outros lugares, provocando o anonimato da cultura e as vezes tripudiando, deste município cujo surgimento datada do ano de 1557, exato 456 anos, antiguidade é posto, Santoamarense, VALORIZE-SE, Santo Amaro vai precisar.

    ResponderExcluir
  3. A música "Boas Festas", natalina "made in brasil"., foi escrita num guardanapo de um Bar, vèspera do Natal de 1932, quando extravasou seu desencanto com o Natal m que já àquela época era pura exploração comercial.

    ResponderExcluir
  4. Santo Amaro da Purificação Terra de meu amigo Agostinho Reis, cidade que em 1910 era a sétima mais populosa do Brasil, atrás de algumas capitais e duas do interior. Únicas do interior a sua frente era Campos dos Goitacazes RJ e Caratinga MG. A musica citada fez um grande sucesso em 1956, interpretado pela magnífica Dolores Duran que logo em seguida vem a falecer. O grande compositor até então eu não o conhecia. Mas bom saber.

    ResponderExcluir
  5. Na foto, temos um soteropolitano, uma portuguesa e um santoamarense, queira ou não queira, Santo Amaro brilha de novo.

    ResponderExcluir
  6. O povo de Santo Amaro da purificação, precisa homenagear Assis Valente, uma estátua na praça da Purificação, e logo, sem demora, esperar por quem?

    ResponderExcluir

Todos os comentários serão moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas caluniosas, defamadoras, Inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Os comentários postados são de inteira responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...