28 de outubro de 2014

Abertas inscrições para cursos técnicos gratuitos do Senai



Foto: Ed Santos/Acorda Cidade


Começam nesta segunda-feira (27) e as inscrições para o processo seletivo 2014 dos cursos gratuitos de aprendizagem industrial de nível básico e técnico de nível médio, oferecidos pelo Senai Bahia.

As inscrições prosseguem até o dia (14) e não há taxa de inscrição para o processo seletivo. Os interessados devem se inscrever exclusivamente pela internet, no sitewww.fieb.org.br/senai.





Para os cursos de nível básico serão oferecidas 2.664 vagas gratuitas, distribuídas em 31 cursos em diferentes áreas, contemplando 21 municípios baianos. Já para os cursos técnicos de nível médio serão oferecidas 1.240 vagas gratuitas, distribuídas em 13 cursos, contemplando 11 municípios baianos.



Para os cursos de aprendizagem básica, serão selecionados os candidatos que atenderem aos requisitos de idade e escolaridade de cada curso, além de respeitar os seguintes critérios, na seguinte ordem: ordem cronológica de inscrição; for mais velho.

É importante ressaltar que para os cursos de aprendizagem técnica, é necessário que os candidatos tenham participado do Enem em 2011, 2012 ou 2013. Serão convocados os candidatos que obtiverem a maior pontuação, obedecendo à ordem de classificação e o limite de vagas para cada curso.

As listas completas destes cursos estão disponíveis no site www.fieb.org.br/senai, bem como a carga-horária, a quantidade de vagas por localidade/curso e o perfil dos candidatos (idade e escolaridade).

As aulas terão início no dia 02 de fevereiro de 2015, de segunda à sexta-feira, podendo acontecer também aos sábados, nos locais estabelecidos pelo Senai. Os alunos aprovados no processo seletivo poderão ser posteriormente contratados como aprendizes pelas indústrias.

Conforme determina a legislação, os alunos com contratos de aprendizagem cumprirão ainda uma etapa prática na empresa por uma carga horária igual à fase teórica.

Os cursos de aprendizagem industrial são oferecidos pelo Senai, conforme a demanda do setor industrial, para atender à legislação que regulamenta a contratação de aprendizes – Lei nº 10.097/2000 e o Decreto nº 5.598/2005.

Com exceção de micro e pequenas empresas, todos os estabelecimentos, de qualquer natureza, são obrigados a empregar e matricular um número de aprendizes equivalente a 5% no mínimo e 15% no máximo dos seus empregados, cujas funções demandam formação profissional. Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...