20 de dezembro de 2014

Na Bahia IPVA terá redução de 3,5%, calcule quanto você vai pagar

(Foto: Evandro Veiga)

Pelo menos uma das despesas dos donos de carro na Bahia será menor em 2015. Uma tabela divulgada no site da Secretaria da Fazenda da Bahia (Sefaz-BA) ontem (18) mostra que o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) terá uma redução média de 3,5%.

A redução se deu por conta da desvalorização dos carros usados entre 2013 e 2014. A Sefaz manteve o desconto de 10% para pagamento em cota única até 6 de fevereiro.

Também como em anos anteriores, o pagamento do IPVA 2015 poderá ser dividido em até três vezes. O que foi alterado foi o calendário de pagamento do imposto, que agora começa em março, e não mais em abril. 

Outra mudança é que cada final de placa terá um vencimento diferente entre os meses de março e novembro (ver abaixo).

Até 2014, o vencimento do imposto, a depender do final da placa, acontecia entre março e setembro. Para o diretor regional da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), a redução do IPVA da Bahia poderia ser ainda maior, já que a média de desvalorização dos usados em todo o Brasil, que a Bahia também acompanha, é de 10%.

Veja tabela completa do Valor Venal dos Veículos em 2015


CLIQUE NA IMAGEM ABAIXO PARA AMPLIAR COM TODOS OS VALORES



“O mercado como um todo está desvalorizado e, por isso, em 2014, registramos uma queda nas vendas de 8%. Quando o preço do carro novo cai, o do usado também cai”, diz.

Segundo o diretor de arrecadação da Sefaz, Antônio Félix Mascarenhas, a principal razão para a queda no valor do imposto é mesmo a redução de preço dos carros usados. 

“O imposto é formado pelo valor da base do carro e da alíquota, que em 2015 continuará a mesma. O que explica essa desvalorização é a queda, por volta de 3,5%, do preço dos carros usados”, defende.





Esse é o quinto ano consecutivo que o IPVA é corrigido para baixo na Bahia. Conforme a tabela, para as motos, a queda também ficou em torno de 3,5%. Ainda em percentuais médios, os caminhões vão pagar menos 4,4%, os ônibus e micro-ônibus 3,3% e camionetas utilitários terão redução de 3,2%. Já os automóveis apresentam uma redução média de 3,6%.

Assim, o IPVA de um Volkswagen Gol, de valor venal de R$ 30.526, vai pagar um IPVA de R$ 763,15. Para saber qual será o IPVA de seu veículo, a conta é simples, multiplica-se a alíquota do imposto - que varia de acordo com o modelo do automóvel - pelo valor venal do bem.

Os valores venais são calculados pela Fundação de Pesquisas Econômicas (Fipe), com base nos preços praticados entre setembro e outubro de 2014.

Calendário
Junto com os valores, que podem ser consultados no site sefaz.ba.gov.br ou pelo telefone 0800 071 0071, a Sefaz também divulgou o calendário de pagamento do IPVA 2015 (confira ao lado). 

Segundo Mascarenhas, os contribuintes precisam ficar atentos, pois a agenda de pagamento foi reformulada. “Neste ano eram cinco meses para pagamento do IPVA. 

Em 2015 teremos nove meses. A primeira parcela foi antecipada de abril para março e a última vai terminar em novembro”.




Desconto

Para quem quer economizar, a dica é aproveitar o desconto de 10% com o pagamento da cota única. Há, ainda, a possibilidade de um desconto de 5% caso a cota única seja paga até o vencimento da primeira parcela, que varia de acordo com o final da placa do veículo. 

Os contribuintes podem optar também por parcelar o imposto em três vezes, observando o vencimento da primeira cota na tabela.

O pagamento pode ser feito em qualquer agência do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, bastando apenas apresentar o número do Renavam. Já os débitos referentes à taxa de licenciamento e multas de trânsito deverão ser pagos até a data de vencimento da terceira parcela, e os débitos anteriores do IPVA também podem ser divididos em três vezes, juntamente com o IPVA 2015.

O proprietário que perder o prazo da primeira cota deixa de ter o direito ao parcelamento em três vezes. Estão isentos do pagamento do imposto os veículos das frotas oficiais da União, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, além de veículos de transporte público e automóveis com mais de 15 anos de fabricação.

A frota tributável da Bahia é de aproximadamente 2,5 milhões. Só em 2014 devem ser arrecadados R$ 960 milhões com a cobrança do IPVA. O imposto é a segunda fonte de arrecadação tributária do Governo do Estado da Bahia, segundo Mascarenhas.

“O valor arrecadado com o IPVA é dividido meio a meio com o município onde o veículo foi emplacado”, explica. A Sefaz não informou a estimativa de arrecadação com o imposto para o ano que vem. Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os comentários serão moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas caluniosas, defamadoras, Inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Os comentários postados são de inteira responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...