22 de janeiro de 2015

Justiça bloqueia bens do prefeito de Santo Amaro

Foto: Milena Abreu / Bahia Notícias

O prefeito de Santo Amaro, Ricardo Machado, teve declarado os bens indisponíveis no valor de R$ 1,3 milhão. A decisão foi decretada nesta quarta-feira (21/01) pela juíza Ana Gabriela Trindade. 

A magistrada deferiu em parte medida liminar requerida em ação civil pública proposta pelo promotor de Justiça João Paulo Schoucair. Segunda a juíza, a medida visa impedir que o acionado “potencialize qualquer ato no intuito de se desfazer de seu patrimônio”. 


Na ação civil pública, o promotor informou que o prefeito continuava a contratação de servidores, mesmo com 700 aprovados em concurso público. A promotoria também expediu recomendação ao Município com a orientação que anulasse as contratações indevidas até o dia 31 de dezembro de 2014. 

Além disso, a prefeitura deveria prorrogar o prazo de validade do concurso e promover a nomeação dos aprovados para prover os cargos vagos até o dia 30 de junho de 2015. 

No entanto, mesmo com a proximidade do prazo de validade do concurso (abril de 2015), foi apresentado apenas um cronograma para preenchimento das vagas oferecidas no certame nos meses de fevereiro a maio de 2015. Bahia Noticias

4 comentários:

  1. Pensamos que fosse mentira de BOCÃO, estão é verdade! Santo Amaro Notícias, divulgou, é uma pena! Ele trabalha tanto...

    ResponderExcluir
  2. O Homem trabalha Muito pela cidade quem era santo amaro na gestão anterior a dele se ele fosse candidato em 2016 voltava nele de Novo!!!! Independente de qualquer coisa

    ResponderExcluir
  3. Ricardo é homem de bem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. todos esses comentarios sao suspeitos devem trabalhar na prefeitura.

      Excluir

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...