1 de abril de 2015

Prefeitura de Santo Amaro pede suspensão de liminar que determina transporte estudantil

Foto: Reprodução

A Prefeitura do município de Santo Amaro pede a suspensão da liminar do Ministério Público (MP) que determina que o prefeito forneça transporte escolar para estudantes, sob pena de R$ 5 mil por dia, a ser recolhida em uma conta judicial. 

Em defesa, a Prefeitura de Santo Amaro afirmou que não houve previsão orçamentária para esse serviço, e a execução pode gerar lesão à economia pública, “implicando prejuízo em outros serviços essenciais prestados para população, em detrimento da determinação”.

A prefeitura também se queixou da elevada multa diária caso haja o descumprimento da determinação e afirmou que tem apenas a obrigação de prover transporte escolar para a rede municipal de ensino. 

Estudantes de nível médio do Instituto Federal da Bahia (IFBA) de Santo Amaro abriram uma Ação Pública contra a prefeitura devido a não prestação de transporte público escolar.

Um comentário:

  1. Não houve previsão orçamentária para este serviço, comentarista globo, cadê o ECO! Nããõoo hoouu...

    ResponderExcluir

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...