23 de julho de 2015

Bahia vence por 2 a 0, mas é eliminado pelo Paysandu na Copa do Brasil

(Foto: Arisson Marinho)
Depois de ter perdido por 3 a 0 na primeira partida contra o Paysandu, o Bahia recebeu o adversário com a necessidade de uma goleada nesta quarta-feira. O time baiano venceu por 'apenas' 2 a 0 no estádio Pituaçu e deu adeus à Copa do Brasil, enquanto o time paraense comemora a classificação para as oitavas de final.

O time dirigido por Sérgio Soares pressionou para tentar a vitória, mas só balançou a rede no segundo tempo, em pênalti convertido por Souza e também com bela jogada de Kieza. Porém, o Paysandu segurou a vantagem obtida no Mangueirão e garantiu sua classificação.

Assim, o Paysandu aguarda agora o sorteio que será realizado pela Confederação Brasileira de Futebol para saber qual será seu adversário nas oitavas de final do torneio de mata-mata. Os clubes que disputaram a Copa Libertadores neste ano entram justamente na próxima fase do torneio.



O jogo

Apesar da vantagem obtida com a vitória na partida de ida, o Paysandu tentou buscar as jogadas ofensivas, mas sem levar perigo real à meta adversária. O Bahia, então, deu um susto nos visitantes aos 13 minutos de partida, quando Ávine cobrou falta e acertou o travessão.

O time anfitrião ainda fez nova tentativa pouco depois. Tiago Real bateu escanteio e viu Kieza errar a finalização. Os jogadores do Bahia pediram pênalti na jogada, mas o árbitro considerou a jogada normal. Mesmo com a necessidade do resultado positivo, o Bahia mostrava pouca eficiência para ameaçar.

Antes do fim da etapa, aos 44, Tiago Real bateu escanteio, e Kieza subiu bem para cabecear, mas errou o alvo, levando perigo. Na volta para o segundo tempo, o Bahia tentou pelo alto mais uma vez, em cabeceio para fora novamente de Kieza.

Aos 20 minutos, o técnico Dado Cavalcanti decidiu fazer sua primeira mudança. O experiente atacante Souza deixou o campo para a entrada de Leandro Cearense. Do outro lado, Sérgio Soares colocou João Paulo no lugar de Tony. O meio-campista Souza também entrou, no lugar de Yuri.

A torcida do Bahia ganhou mais esperança de reação quando o árbitro marcou pênalti por toque de mão na área de Thiago Martins. Assim, aos 31, Souza bateu no meio do gol para abrir o placar para os donos da casa.

O clube da casa partiu então com tudo para o ataque e conseguiu fazer o segundo gol aos 41. Kieza recebeu a bola pela esquerda, driblou o goleiro Emerson e chutou para a rede.

Pouco depois de o Bahia ter marcado, o jogo foi paralisado para atendimento médico ao goleiro do Paysandu. O árbitro deu os minutos de acréscimos, mas o time da casa não conseguiu levar a reação adiante.

FICHA TÉCNICA:

BAHIA 2 X 0 PAYSANDU

Local: Estádio Pituaçu, em Salvador (BA) 
Data: 22 de julho de 2015, quarta-feira 
Horário: 19h30 (de Brasília) 
Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP) 
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Daniel Paulo Ziolli (SP) 
Cartões amarelos: Yuri, Souza e Kieza (Bahia). Fahel, Carlos Alberto (Paysandu) 
Gols: BAHIA: Souza, aos 31, e Kieza, aos 41 minutos do segundo tempo

BAHIA: Douglas Pires; Tony (João Paulo), Robson, Jaílton e Ávine; Wilson Pittoni, Yuri (Souza) e Tiago Real; Kieza, Maxi Biancucchi (Léo Gamalho) e Alexandro ()
Técnico: Sérgio Soares

PAYSANDU: Emerson; Yago Pikachu, Thiago Martins, Pablo e João Lucas; Ricardo Capanema, Jhonnatan (Augusto Recife), Fahel e Carlinhos (Carlos Alberto); Aylon e Souza (Leandro Cearense) 
Técnico: Dado Cavalcanti

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...