23 de outubro de 2015

Baralho do Crime é atualizado e o cinco de copas é de Acupe distrito de Santo Amaro



O Baralho do Crime da Secretaria de Segurança Pública (SSP), foi atualizado com dez novos criminosos mais procurados da Bahia. 

Entre as cartas há criminosos acusados de formação de quadrilha, assalto a bancos, tráfico de drogas e até um homicida responsável por mais de 20 mortes.


Uma das novas inclusões é Igor Ferreira da Conceição, o Igor Acupe, passou a ser o Cinco de Copas. De acordo com a SSP, ele tem presença marcante nos delitos praticados no interior do estado e, em especial, na cidade de Santo Amaro.


O novo Rei de Copas é Josemar Silva Barbosa, conhecido como Joca Cavalo. Ele é procurado por homicídio e entra no lugar de Josuel dos Santos, o Coquita, que já foi preso por associação ao tráfico, porte ilegal de armas e formação de quadrilha. Segundo a polícia, Joca Cavalo e Coquita fazem parte da mesma facção criminosa.

Para substituir Mateus Gomes Teixeira, o Índio, morto em confronto policial, a polícia colocou Dilson da Paz dos Santos, o Renato Químico. Ele é suspeito por mais de 20 homicídios desde o ano passado e líder de uma quadrilha que agia na região do Subúrbio Ferroviário. Dilson agora é a carta 10 de Ouros.

Para ilustrar a carta Oito de Espadas, a polícia escolheu Flanderson Conceição Oliveira, conhecido como Alan Pezão. Ele atuava na mesma região que Renato Químico e também foi indiciado por homicídio. Flanderson substitui João Cleber dos Santos Leal, o Binho Gogó, preso e custodiado em São Paulo.

Genílson Conceição Couto, o Neguinho do Areal, apontado como traficante e homicida com ações em Cruz das Almas, é o novo Sete de Ouros.

O novo Seis de Copas é Leonardo Fraga Guimarães, o Léo Mato Verde. Ele é acusado do assassinato do médico José Carlos Bezerra, candidato a prefeito de Paripiranga.

O assaltante de banco Edmar Conceição dos Santos, ilustra a Três de Copas, o também assaltante José Francisco Lumes, tornou-se o Três de Ouros e indiciado por roubo qualificado e formação de quadrilha, Jorge dos Santos Santiago está na carta Três de Espadas.


Novo cangaço

Adepto da modalidade criminosa em que as vítimas são forçadas pelos bandidos a se tornarem escudos diante da investida policial, o assaltante de banco Rogério de Jesus Santiago, o Rogerinho, foi incorporado ao Baralho do Crime como Seis de Ouros.

Ele é acusado de explodir o terminais de autoatendimento, de participar de sequestros relâmpagos, de roubo de imagens sacras e de traficar drogas.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...