3 de junho de 2016

Policiais militares voluntários levam 'Arraiá do Bem' a hospitais e asilos

Vinte policiais militares voluntários do projeto ‘Patrulha do Bem’ vão levar um arraial para asilos, abrigos, hospitais e instituições filantrópicas durante o mês de junho. Desta segunda-feira (6) até o dia 18, eles passam por 15 instituições alegrando o ambiente com o ‘Arraiá do Bem’, pensado e produzido para a festa junina de quem vive nesses espaços, especialmente crianças e idosos. 


Nesta sexta-feira (4), o grupo formado por integrantes do Teatro, da Banda de Música e do Coral da Polícia Militar da Bahia (PMBA) fez os últimos ajustes e ensaiou no Pelourinho, em Salvador, na sede da Seção de Artes da PM e em frente ao prédio.
Criado há dois anos, o grupo ‘Patrulha do Bem’ realiza apresentações durante todo o ano, mas este mês a programação é especial contemplando espaços de Salvador e região metropolitana (RMS), onde vão distribuir alegria por meio da caracterização, instrumentos musicais e repertório em homenagem ao São João. 

Alguns policiais farão a coreografia usando as roupas do dia a dia de trabalho. Um desses PMs é o cabo Kleber Reis. Para ele, esta é “uma forma de mostrar que o policial fardado é uma pessoa com quem a sociedade pode contar em todas as horas, [...] que não estamos nas ruas apenas para proteger, mas principalmente para ajudar”.

Segundo o chefe da Seção de Artes e diretor do Grupo de Teatro da PM, capitão Elton Santana, o projeto desenvolve sensibilização social, e a receptividade do público prova que a iniciativa tem funcionado acima da expectativa dos policiais.

“Muitas vezes ficamos emocionados e surpresos com a energia do nosso público que, de alguma forma, é carente, seja de cuidado, de carinho, ou de saúde. Doamos nosso tempo livre porque acreditamos no poder transformador da arte na vida das pessoas [...] A arte é capaz de despertar a afetividade nas pessoas porque, despertando o afeto, [elas] podem se respeitar mais. Isso faz parte do nosso dever também, de enquanto policiais atuar na prevenção e promoção da paz, e não apenas nas práticas repressivas”, disse o capitão. 


CALENDÁRIO DE APRESENTAÇÕES

06/06 às 9h - Centro de Moradores de Rua/ Barbalho


07/06 às 9h - Lar São Franciscano/ Centro
14h - QCG/ Aflitos


08/06 às 9h - Base Naval de Aratu
14h - Centro de Moradores de Rua/ Barbalho

09/06 às 8h - Feira de São Joaquim
   14h - Associação Casa de Caridade Adolfo Bezerra de Menezes (Accabem)

10/06 às 9h - Grupo de Assistência à Criança com Câncer

13/06 às 9h - Cican

14/06 às 14h - Centro de Conviver dos Idosos/ Camaçari

15/06 às 19h - Escola Estadual de Plataforma

16/06 às 9h - Abrigo Dom Pedro II
   15h - Núcleo de Assistência à Criança com Paralisia Cerebral/ Ondina

17/06 às 15h - Abrigo Salvador

18/06 às 16h
 - Abrigo Nosso Lar/ Piatã 


Repórter: Anna Larissa Falcão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...