10 de agosto de 2016

Fundação Pedro Calmon leva exposição de Edmond Fortier a Cachoeira



Após ficar em cartaz por dois meses em Salvador, a Fundação Pedro Calmon/Secretaria de Cultura do Estado, em parceria com o Acervo África, a Fundação Hansen Bahia e a Secretaria de Cultura de Cachoeira - Recôncavo baiano -, leva a exposição “Viagem a Timbuktu - Fotografias de Edmond Fortier - Da costa da Guiné às margens do Saara em 1906”, ao município a partir do dia 12 de agosto. 

A exposição é dedicada à obra do fotógrafo francês Edmond Fortier (1862-1928) e ficará aberta à visitação na Fundação Hansen Bahia até o dia 30 de setembro. No dia 12, às 17h, a mostra será aberta com a presença do diretor geral da Fundação Pedro Calmon, Zulu Araújo e da curadora, Daniela Moreau, a partir das 17h. 

Anônimo, Fortier viveu a maior parte de sua vida em Dakar, no Senegal e, há 110 anos, produziu mais de 4 mil imagens da África do Oeste no início do século XX, após viajar mais de 5 mil quilômetros para chegar à cidade histórica deTimbuktu, porta do Saara, norte do atual Mali, o que deu origem à pesquisa e livro da historiadora Daniela Moreau (Edmond Fortier - Viagem a Timbuktu). 

As fotos foram tiradas no período colonial – entre 1900 e 1923 – sendo publicadas, depois, no formato cartão-postal. Fortier foi um dos primeiros profissionais a fotografar Timbuktu, depois da ocupação francesa em 1894, e os negativos deste trabalho nunca foram encontrados. 

Nesta exposição, serão exibidos 52 destes postais em formato ampliado, promovendo o acesso à memória da África do Oeste e da história de seus povos.

Histórias - Com a mostra, a pesquisadora e curadora da exposição, Daniela Moreau, reúne estes cartões-postais dispersos pelo mundo, os organiza e busca resgatar um passado pouco conhecido. “Nessa exposição são mostradas ampliações de imagens captadas por Fortier durante seu périplo de 1906, que o levou até à mítica cidade de Timbuktu, centro de saber islâmico, escala obrigatória do comércio inter-regional e local privilegiado de trocas culturais. 

Durante a viagem, Fortier captou imagens preciosas das atividades cotidianas de mulheres e homens, da sofisticada arquitetura em adobe e das paisagens dos entornos do rio Níger”, explica Moreau.

A Curadoria
A curadora da exposição, Daniela Moreau, é historiadora (USP) e mestra em Ciências Políticas (UNICAMP). Realiza viagens de pesquisa ao continente africano desde 1995, principalmente na região do Sahel. Vive e trabalha em São Paulo, onde fundou e coordenou por dez anos a Casa das Áfricas. Atualmente, dirige o Acervo África, programa que disponibiliza para pesquisa uma coleção de mais de 1.500 peças da cultura material africana.

 SERVIÇO

O queExposição “Viagem a Timbuktu - Fotografias de Edmond Fortier - Da costa da Guiné às margens do Saara em 1906”               
Abertura: 12 de agosto, 17h
Em cartaz: 12 de agosto a 30 de setembro de 2016

Onde: Fundação Hansen Bahia - R. Treze de Maio, 197-373, Cachoeira

Um comentário:

  1. AQUI EM SANTO AMARO, VAI SER QUANDO A EXPOSIÇÃO?

    ResponderExcluir

Os comentários postados pelos leitores são de responsabilidade dos respectivos comentaristas e não correspondem, à opinião dos autores do Santo Amaro Notícias.

Todos os comentários são moderados e nos reservamos o direito de excluir mensagens consideradas inadequadas ou que possuam conteúdo ofensivo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...